Saiba porque e como rever seus gastos

Saiba porque e como rever seus gastos

Mesmo com acesso às dicas variadas sobre poupança e educação financeira, algumas pessoas permanecem com dificuldade para comprar sem se endividar. Isso acontece porque a fonte do problema nem sempre vem da falta de informação, mas da impossibilidade de enxergar os benefícios colhidos ao rever gastos.

E você, será que tem real noção das vantagens que a prática da economia pode trazer à sua rotina? Pedimos que faça a leitura deste post para refletir melhor sobre o assunto e descobrir bons motivos para mudar seus hábitos. Acompanhe e aproveite as dicas que separamos!

Por que rever gastos com frequência?

Muitas coisas da vida podem ser alteradas ou até mesmo aprimoradas. A regra também vale para a área das finanças, seja de uma pequena família, seja de uma grande empresa. Afinal, quando há controle constante do que gastamos e recebemos, conseguimos manter o orçamento equilibrado para desfrutar de uma rotina mais tranquila e livre de preocupações.

Dito isso, é importante que você avalie como usou o dinheiro ao longo de cada ano, a fim de identificar o que foi positivo e o que precisa ser mudado nos próximos meses. Faça um levantamento das metas atingidas, anote hábitos que pretende eliminar e organize-se. Precisa de um incentivo para começar? Então, confira o que um bom planejamento lhe permite.

Investir em seus sonhos

Sempre quis abrir um negócio ou fazer parte de um empreendimento familiar? Seu principal foco no momento é sair do aluguel? Gostaria de viajar para seus destinos preferidos mais vezes ao ano? Todos esses sonhos podem ser realizados se você tiver disciplina e passar a valorizar o próprio dinheiro. Pode ser trabalhoso, mas percorrer cada caminho com paciência e pé no chão trará muitas recompensas.

Ter mais qualidade de vida

Outro motivo para rever gastos com frequência está no fato de que, ao usar suas economias de maneira consciente, você logo atingirá a estabilidade financeira para viver confortavelmente. Imagina que maravilha não precisar lidar com dívidas ou com a falta de dinheiro em momentos importantes? Dormir com a consciência limpa faz toda a diferença no dia a dia de qualquer pessoa, já que mantém a ansiedade e o estresse distantes.

Alcançar objetivos importantes

Organizar e monitorar as finanças também ajuda a conquistar tudo o que importa para você e sua família. Ainda que os desejos variem de um indivíduo para outro, sempre é possível torná-los reais quando o hábito da economia está presente. Veja alguns exemplos de objetivos que você pode alcançar com boas práticas:

  • independência financeira: possibilidade de viver de rendimentos ou de criar uma reserva que traga segurança;
  • cursos específicos: não se preocupe com falta de dinheiro para se aprimorar ou investir em uma nova profissão;
  • tratamentos: sinta-se livre para custear procedimentos de saúde ou estéticos;
  • festas: aproveite para celebrar datas especiais ao lado de amigos e parentes;
  • casa ou apartamento: você finalmente poderá comprar o imóvel ideal para morar, construir patrimônio ou como forma de investimento;
  • reforma: fazer pequenos reparos ou grandes mudanças na residência será fácil com um bom planejamento financeiro;
  • poupança: para garantir o conforto dos pais (aposentadoria) e o futuro dos filhos (escolas, faculdades etc.).

Como rever gastos e se planejar a cada ano?

Agora que você conhece os inúmeros benefícios proporcionados pelo uso consciente do dinheiro, chegou a hora de colocar as dicas de educação financeira em prática. Listamos algumas das melhores para que você consiga organizar suas finanças sem abrir mão do lazer e dos bons momentos ao lado de pessoas queridas.

Conheça as despesas e crie metas

Não basta fazer os pagamentos em dia se você não sabe onde gastou cada centavo da sua renda. Portanto, o primeiro passo para um planejamento eficiente é conhecer todas as despesas — das fixas às variáveis. Isso significa anotar o valor de cada conta recebida e de cada compra realizada no mês: luz, água, internet, farmácia, combustível, papelaria, mercado etc.

A planilha eletrônica é uma ótima ferramenta para registrar as movimentações financeiras em diferentes períodos. Ao preenchê-la, inclua as entradas e saídas de dinheiro e faça um comparativo dos valores. Se o montante que sobra ainda é pouco, você precisará rever gastos e mudar os hábitos de consumo de toda a família.

Uma boa maneira de cortar despesas é buscar estímulos positivos. Para isso, crie metas de curto, médio e longo prazo, sempre pensando no que é prioridade no momento e naquilo que pode esperar um tempo até ser realizado. É fundamental que as metas sejam realistas para que você não se frustre com expectativas e mantenha o foco em seus objetivos.

Elimine dívidas e avalie o que é dispensável

A inadimplência é um inimigo da estabilidade financeira e deve ser evitada ao máximo. Afinal, mesmo que envolva pequenos valores, pode resultar em uma bola de neve com várias contas acumuladas. Além do mais, em alguns casos, estar com o nome sujo pode dificultar o acesso ao crédito necessário para financiar o sonhado imóvel.

Portanto, se você pretende comprar o primeiro apartamento ou adquirir outro bem, precisa eliminar as dívidas quanto antes. O ideal é reunir todos os valores a serem pagos e renegociar com a instituição credora para fazer o pagamento rapidamente. Nesse período, evite utilizar o cartão de crédito, pois, ele passa a impressão de que sua conta está sempre cheia de dinheiro.

O momento de resolver as dívidas pendentes também é propício para avaliar o que se tornou dispensável em sua rotina. Pode ser um pacote de TV por assinatura que ninguém assiste, uma mensalidade de academia que não é aproveitada, um plano de telefonia que ficou mais caro, entre outros gastos que, somados, impactam no orçamento da família.

Complemente a renda e invista

É possível acelerar o planejamento para atingir seus objetivos antes do tempo previsto. Para isso, você pode buscar novas oportunidades de trabalho que possam complementar a renda e garantir um montante a mais no fim do mês. Investimentos variados também estão aí para dar uma mão na hora de fazer seu dinheiro render e acumular um bom saldo.

Encontrar a melhor opção exige paciência e, se possível, uma conversa com pessoas mais próximas e até com especialistas na área de finanças. Antes de procurar a opinião de terceiros, aproveite para dar uma olhada em algumas das alternativas disponíveis:

  • atuar no transporte de pessoas: hoje há serviços específicos que funcionam via aplicativos (como Uber) para quem quer obter um dinheiro extra;
  • alugar o carro: você pode disponibilizar o próprio veículo em sites especializados no serviço. Dessa forma, outras pessoas utilizam o carro a partir da locação por hora, semana ou mês;
  • alugar um imóvel: quem já possui uma casa ou apartamento pode disponibilizar o espaço para locação (anual ou por temporada).

É claro que existem outras maneiras de trabalhar para complementar a sua renda. Cabe a você se informar sobre as oportunidades e escolher aquela que melhor atende suas necessidades. No caso dos investimentos, procure agendar um atendimento com o gerente do seu banco para definir o melhor modelo e ter êxito no processo.

Pronto! Você tem boas orientações para começar a rever gastos e melhorar a sua relação com o dinheiro. A partir de agora, procure aplicá-las em conjunto para potencializar os resultados e visualizar todos os benefícios.

Gostou do assunto deste conteúdo? Continue por aqui e confira nossas dicas especiais de planejamento para quem comprou um imóvel!

Faça seu cadastro e receba tudo por email!

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *